Ventilação mecânica domiciliar e cuidados paliativos
12 de maio de 2017

Uma importante relação entre a Ventilação Mecânica Domiciliar e cuidados paliativos foi estabelecida durante os debates realizados no I Simpósio de Ventilação Mecânica Invasiva Domiciliar organizado em São Paulo pelo Ministério da Saúde em parceria com o Hospital Alemão Oswaldo Cruz.

Presente ao evento, a Dra. Cristiane Rodrigues de Sousa, Diretora Administrativa da ANCP e Coordenadora Médica do Programa de Assistência Ventilatória Domiciliar do Hospital Infantil Albert Sabin (Ceará), destacou a fala do palestrante convidado, Dr. Miguel Gonçalves, Fisioterapeuta da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (Portugal), que levantou a questão da importância da ventilação mecânica ser entendida como um tratamento de cuidados paliativos. “Isto foi muito importante porque a maioria dos profissionais ainda têm em mente que cuidados paliativos só estão associados a estratégias para pacientes com expectativa de seis meses de vida ou menos, enquanto a ventilação é algo que pode estar presente durante toda uma vida do paciente”, explica Dra. Cristiane.

Segundo ela, a observação suscitou vários questionamentos sobre cuidados paliativos, sendo que este não era o foco do encontro. “Considero isso muito positivo e oportuno, especialmente para este público, cerca de 200 profissionais, de diversas especialidades da área da saúde que lidam diretamente com a ventilação mecânica domiciliar”, diz. “Foi aberta uma perspectiva de se discutir a questão dos cuidados paliativos domiciliar, sua abrangência e relevância”.

Um dos substratos do Simpósio foi a coleta de informações e experiência compartilhadas na busca pela criação de um documento do Ministério da Saúde com as diretrizes da Ventilação Mecânica Domiciliar. “A ANCP está participando de um grupo de trabalho no Ministério da Saúde para definir as Diretrizes Brasileiras de Cuidados Paliativos; acredito que estamos diante de uma boa oportunidade para contribuir na elaboração dos documentos porque todo paciente elegível para ventilação mecânica domiciliar é elegível para cuidados paliativos”, destaca.

  • Twitter
  • Facebook
  • del.icio.us
  • Google Bookmarks
  • Live
  • Netvibes
  • LinkedIn
  • Digg
  • RSS
  • email
Deixe um comentário